Avaliação da propensão de quedas em idosos praticantes de pilates
Full Text (PDF)

Keywords

idosos
método pilates
quedas
envelhecimento

How to Cite

Boaventura, C. de M., Toledo, F. R. N., Gonçalves, G. M., Castro, L. C. F., & Guimarães, Élcio A. (2022). Avaliação da propensão de quedas em idosos praticantes de pilates. Europub Journal of Health Research, 3(4 Edição Especial), 586–592. Retrieved from https://ojs.europubpublications.com/ojs/index.php/ejhr/article/view/300

Abstract

O envelhecimento é um processo complexo e multifatorial influenciado por fatores genéticos e não genéticos. Durante esse processo ocorrem alterações morfológicas, funcionais e bioquímicas que alteram progressivamente o organismo humano, tornando-o mais suscetível às agressões intrínsecas e extrínsecas. O risco de quedas vem se apresentando como um grave problema para essa população. O objetivo do estudo foi de avaliar a propensão de quedas em idosos praticantes do método Pilates. A amostra foi composta por 39 idosos praticantes de Pilates e foi utilizando o teste “Timed Up and Go para avaliação do risco de queda. No presente estudo foi encontrado uma correlação significativa entre a idade dos voluntários e a maior propensão de quedas. Pode-se concluir que o método Pilates apresentou um impacto positivo na redução a propensão de quedas dos voluntários avaliados, uma vez que eles apresentaram uma boa performance na realização do TUG.

Full Text (PDF)